Menu de Navegação

Caminho de Navegação

Página que exibe uma única notícia

CJF lança pesquisa sobre Inteligência Artificial na Justiça Federal

Vivemos em um mundo colaborativo, que usa cada vez mais a tecnologia a seu favor e onde o conhecimento é compartilhado. Você, magistrado, servidor ou colaborador da Justiça Federal (JF) já imaginou poder compartilhar o projeto bem sucedido de Inteligência Artificial (IA) da sua região, para, quem sabe, implementá-lo em toda a JF?

Pensando nisso, o Centro Nacional de Inteligência (CIN) e o Centro de Estudos Judiciários (CEJ) do Conselho da Justiça Federal (CJF) lançaram nesta semana (16/7) pesquisa de iniciativas de IA na Justiça Federal.

Segundo o juiz federal Marco Bruno Miranda Clementino, integrante do grupo operacional do CIN, a demanda surgiu em virtude da falta de um diagnóstico completo sobre a utilização das novas tecnologias na JF. “Com a pesquisa, poderemos mapear o que já está sendo desenvolvido e as reais necessidades dos usuários, para potencializar as atividades e definir as prioridades”, explica o magistrado.

Os resultados serão documentados em uma nota técnica do CIN, que subsidiará a Corregedoria-Geral da Justiça Federal e a Presidência do CJF na tomada de decisões.

Conhecer e alinhar

Ainda de acordo com Marco Bruno, as iniciativas da JF estão começando a ser implementadas. Dentre os projetos de IA já em funcionamento, ele cita o BacenJud Auto, aplicativo da Primeira Região que automatiza as atividades no sistema BacenJud, e a Julia, robô da Quinta Região que faz a leitura de processos e facilita a pesquisa no acervo do órgão de Justiça.

“É importante que todos participem da pesquisa, pois, assim, haverá um alinhamento desde o início do projeto, entre o que está sendo feito e o que os usuários julgam como prioridade nos processos de trabalho na JF. Consequentemente, as políticas públicas poderão ser pensadas em consonância ao detectado”, conclui Marco Bruno.

Se você é magistrado, servidor ou colaborador da JF, clique aqui para participar.

Se você é gestor de TRF ou de Seção Judiciária, clique aqui para compartilhar sua experiência.

A pesquisa está disponível até o dia 15 de agosto. Participe!

Fonte: CJF/Comunicação Social